Disfunção Erétil

Quais as opções farmacológicas para o tratamento da disfunção erétil causada por distúrbios fisiológicos?

Para a disfunção erétil com origem fisiológica, os fármacos mais utilizados são os inibidores da fosfodiesterase tipo 5 (PDE-5): são administrados por via oral, têm uma elevada eficácia, têm rápido efeito e apresentam poucas contraindicações. Estes atuam sobre as enzimas presentes nos músculos lisos dos corpos cavernosos do pénis que estão envolvidas nos processos bioquímicos que provocam o relaxamento do próprio músculo, resultando na denominada tumescência peniana e numa ereção. No entanto, quando são identificadas causas endócrinas, a testosterona é o tratamento de eleição. Também existem fármacos que são injetados diretamente no pénis ou implantados na uretra para auxiliarem a dilatação dos vasos sanguíneos.

PERGUNTAS FREQUENTES

Talvez também lhe interesse